segunda-feira, 20 de junho de 2016

Tecnicolor

No clichê da aquarela
A beleza de um beijo
O borboletear do estômago
Um arco-íris em cada abraço 
E a sentença desmedida 
Dessas tintas improváveis
Culpadas por colorir o mundo