quinta-feira, 22 de junho de 2017

Contrassenso

Há quem prefira a pedra
Quem despreze a flor
E valorize o espinho
Há quem goste da gaiola
Mais que do passarinho

Há quem escreva poema
Para recitá-lo sozinho