domingo, 17 de novembro de 2013

Noite

Ratos da madrugada
Cães ensandecidos
Sirenes desafinadas
Um medo,  um muro, um marido
Um grito, um tiro, uma escada

Nada novo, não foi nada